Negócio de família

            Numa loja familiar, o pai antecede o filho e deste modo o neto,que não veio, antecederá o agora filho. O pai do outro lado do balcão circular ouve uma voz:
            — O pai, o que é isso?— segundo o que parece ser um copo de uísque sofisticado.
            — É um cristal! — responde com raiva, como se já estivesse respondido antes.
            — É um cristal antigo, senhora. — diz o filho a uma mulher interessada.
            A mulher olha o pai, o acha áspero, não entende o porquê da raiva, se ele não queria responder, então não responda. Descontar seus problemas em outras pessoas, que coisa esquisita. No entanto ela não sabe que o problema dele é o com próprio filho.
            — Ô criatura, vem aqui conversar. — diz o pai.
            — Que foi chefe?
            — Você trabalha nesta loja, há quanto tempo? Você mais que qualquer um devia saber o que tem pra vender. Esta loja, um dia, você vai gerenciar, quero que você lide com isso aqui com respeito.
            — O senhor estava com raiva não outra hora, porque eu te perguntei o preço de um copo? Não acha exagero pai? Afinal, eu estou aqui todos os dias, de manhã à noite, sou um dos seus mais pontuais funcionários.
            — Exagero é o tempo e a possivelmente a confiança que coloquei em você. Só porque é pontual quer dizer que é bom. Esqueça-se de escola, aqui não é escola, na escola você chegava pontualmente, porque eu o obrigava a se levantar cedo, e ganhava pontos a mais na média. Aqui você chega no horário e você ganha o mesmo salário que os outros. Só vai ganhar um pouco a mais de respeito quando eu perceber suas capacidades. Entendeu?
            — Entendi. — uma voz desanimada.
            — Entendeu mesmo? Não seja preguiçoso e faça seu trabalho direito.
            No dia seguinte o filho sabia sobre todos os objetos da loja. O pai observa impressionado.  O resultado da conversa foi que o filho, pra não se lembrar de todos os detalhes, fez uma tabela de preços e produtos escondidos no bolso da sua calça e do seu pai. O importante é o trabalho cumprido, esquecem-se das perguntas.

Um comentário:

  1. Bela aula de empreendedorismo.

    A organização não muda uma pessoa, mas pode transformá-la em alguém bem melhor.

    ABS

    ResponderExcluir

Se você não escreve, não sei sobre você, escreva!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...